Tag Archives: direcao defensiva

200361162-001

Nessa época do ano, muitas famílias saem de férias e aproveitam para viajar e descansar no litoral ou no interior. E aí é que vem o estresse: a longa viagem até o destino final. Para evitar confusões e acidentes nas pistas, preparamos algumas dicas antes de cair na estrada.

É essencial estar descansado antes da viagem. Para isso, planeje tudo com antecedência para evitar contratempos. Levar seu veículo para revisão garante a segurança e tranquilidade para não ser surpreendido com problemas mecânicos no meio do caminho. Tanto na ida quanto na volta, escolha dias e horários de menor movimento, pois com as pistas paradas, as pessoas tendem a perder a paciência com mais frequência.

Para garantir o bem-estar mental e físico, tenha uma boa noite de sono. Evite pensar em despesas, brigas familiares e não dê valor a pequenos problemas que podem influenciar o seu humor. Fuja de comidas de difícil digestão e use roupas e sapatos confortáveis. A fim de uma postura confortável durante a viagem, encoste bem as costas no banco, mantenha os braços dobrados ao segurar o volante e pise nos pedais sem esforço.

Mais algumas recomendações: todos no carro, inclusive no banco de trás, devem estar com cinto de segurança. Se for de moto, ambos devem estar com capacete e trajando os equipamentos necessários. Fique atento a placas e sinalizações e em hipótese alguma dirija alcoolizado. Lembre-se que as pessoas que você ama também estão a bordo.

Seja cordial e gentil com os outros motoristas, dê passagem e não ultrapasse o limite de velocidade. Assim, a sua viagem será mais tranquila e segura, aproveitando as paisagens no caminho rumo ao destino de sua escolha. Porque além de ir, o mais importante é voltar.

Boa viagem!

Que motocicleta é perigoso, não precisamos nem dizer. Por isso, vamos aproveitar essa data para dar dicas para quem pilota uma moto ou divide o trânsito com elas. É possível ajudar a diminuir esses índices. Veja só:

Equipamentos de segurança | Além do capacete, é importante proteger também os olhos, mãos, pés, tornozelos, joelhos e cotovelos. Mesmo que você não seja um piloto de MotoCross, estes itens ajudam na sua proteção no trânsito caótico. Também use sempre calça e casaco.

Farol aceso dia e noite | Estando a 40 metros de distância, uma motocicleta pode sumir do campo visual do motorista, ‘escondendo-se’ atrás de um objeto pendurado no retrovisor ou um adesivo. Manter o farol da moto aceso ajuda a torná-la mais visível. Roupas e capacete de cores claras também podem ajudar.

Pilote de forma defensiva | A atitude defensiva no trânsito significa dirigir por você e pelos outros, antecipar-se em relação aos erros alheios e demais riscos. Pense que, uma vez envolvido em um acidente, pouco adianta provar que a culpa foi de outra pessoa. Aprenda a antever as imprudências e erros dos outros.

Concentração | Moto deixa o seu piloto mais exposto, é menor em relação aos demais veículos e menos visível: boas justificativas para estar totalmente atento ao trânsito. No motociclismo, se o motorista de um carro comete um erro, a consequência fica para a moto. No entanto, em uma situação de risco, a moto tem poder de responder mais rápido. Tudo depende da atenção de quem a pilota.

Conheça as ameaças mais comuns | É preciso conhecer os riscos deste transporte para evitá-los: 1. fechadas frequentes (atenção redobrada em vias movimentadas); 2. pedestres distraídos (cuidado em ruas onde não há sinalização de pedestres); 3. crianças em áreas escolares (diminua a velocidade nestes locais); 4. animais nas ruas (desvie dos bichinhos), 5. linhas de pipa na rua (instale uma haste metálica protetora no guidão da moto, parecida com uma antena de rádio); entre outros perigos.

Seja – sempre – gentil | A gentileza é uma atitude transformadora. Quando você é, além de atento, gentil, você estimula outros motoristas a agirem da mesma forma.

Estas são somente algumas dicas de atenção. Vale lembrar que é sempre importante seguir as regras de trânsito, como limite de velocidade.

Reconhecimento ao Motociclista Gentil

Se você é um Motociclista Gentil e não tem pontos na sua Carteira de Habilitação, a Porto Seguro tem um presente pra você: o desconto de 5% na contratação/renovação do seguro da sua motocicleta.

Saiba mais: https://www.transitomaisgentil.com.br/desconto-mais-gentil.aspx

__

Participe do Concurso Cultural do Trânsito+gentil e comemore este dia com quem anda de moto levando muita gentileza por aí.

Temos cinco (05) kits compostos por mochila e camiseta do Trânsito+gentil para dar uma forcinha na hora de carregar o que quiser na sua moto. Para participar, crie um texto de até 200 caracteres com o tema “Por que minha moto faz parte da minha vida?” e publique nos comentários deste post do blog do Trânsito+gentil.

Prazo: serão aceitos textos enviados até as 12h de sexta-feira, dia 29/7. Textos enviados via Facebook/Twitter, que mencionem marcas/empresas e que incitem a falta de gentileza no trânsito serão automaticamente desclassificados do concurso cultural.

DSC05010_TMG_mochilaVencedores do Concurso:

Olá, amigos. Já temos os vencedores do Concurso do Dia do Motociclista. Saibam que foram os criativos que ganharam o kit com mochila + camiseta do Trânstio+gentil:

Anthonielli Zorzi: Ser Motociclista é respeitar o próximo, cultivar a amizade e a fraternidade, além de praticar boas ações sempre. Acho que sem essas virtudes, o Motociclista não se completa.

Cléber Chg: Minha moto é meu instrumento para a prática de boas atitudes no trânsito o que, consequentemente, contribui para um trânsito mais gentil e nos transforma em exemplo para os demais condutores!

Everton Rodrigues Santos: Porque dela tiro meu sustento, com ela enfrento chuva e vento, me guia pelas estradas da vida, com segurança e cuidado como uma amiga, sempre pronta a me ajudar!

Karine Murta: Com ela acelero minhas emoções, guio meus sonhos, dou partida a um novo dia, ultrapasso a imprudência e dou passagem à gentileza. Faço o trajeto com segurança e confiança de que eu saí, mas voltarei.

Luiz Fernando Annunziata Trevisan: “Por que quando o ar bate em meu rosto, Eu e ela somos um, em liberdade e inclusão, Somos pássaros, somos chuva, somos vento, Vivemos cada segundo, cada metro, com paixão.”

Entraremos em contato com cada um de você via email. Agradecemos a participação de todos.E fiquem de olho que teremos novos concursos e prêmios. ;D

__

CONCURSO CULTURAL – “Trânsito+gentil Dia do Motociclista”

1. O Concurso Cultural “Trânsito+gentil Dia do Motociclista” é aberto a qualquer pessoa física, residente em território nacional (“Participantes”), exceto aquelas mencionadas no item 12, e visa premiar as 5 (cinco) frases mais criativas enviadas entre 27/07/2011 até às 12h do dia 29/07/2011 que respondam a pergunta ” Por que minha moto faz parte da minha vida?”.

2. O Concurso é válido para pessoas residentes em qualquer estado do território nacional.

3. O Participante deverá se inscrever e postar sua resposta como comentário no blog do Trânsito+gentil no post “27 de julho: Dia do Motociclista”( https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/2011/movimento-transito-mais-gentil/27-de-julho-dia-do-motociclista/)

4. A resposta deve ter, no máximo, 200 caracteres.

5. Os 5 (cinco) autores das melhores respostas, conforme critério estabelecido no item 1 acima, receberá, cada um, 1 (um) kit composto por 1 (uma) mochila e  1 (uma) camiseta do Trânsito+gentil.

6. Cada Participante poderá enviar quantas frases quiser, contudo somente uma frase poderá ser eleita vencedora escolhida pelo comitê. Os comentários enviados, após o término do Concurso Cultural, serão automaticamente descartados.

7. A escolha das respostas vencedoras será iniciada no dia 01/08/2011 por uma Comissão Julgadora formada por funcionários da Porto Seguro Cia de Seguros Gerais ou a ser definida por ela, devendo ser finalizada no dia 04/08/2011. A divulgação dos ganhadores ocorrerá às 12h do dia 05/08/2011. A Comissão Julgadora avaliará e julgará os comentários enviados em conformidade com este regulamento com base na criatividade, originalidade e correção gramatical. Os casos omissos serão decididos pela Comissão Julgadora, cujas decisões serão soberanas e irrecorríveis.

8. A divulgação do nome do Participante vencedor será realizada na página do concurso e via redes sociais do Trânsito+gentil. O Participante vencedor será contatado por e-mail.

9. Se o contato com o Participante vencedor não for possível depois de dois (02) dias após a divulgação do resultado, será cancelada a premiação do Participante não-contatado e a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais concederá a premiação ao Participante classificado imediatamente após o Participante não contatado.

10. O prêmio não poderá ser convertido em dinheiro, transferido para terceiros e nem trocado por outro produto.

11. Os Participantes deste concurso, com o envio das frases em conformidade com este regulamento, declaram serem de sua autoria as frases encaminhadas ao concurso cultural e que as mesmas não constituem plágio, ao mesmo tempo em que cedem e transferem a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais, sem qualquer ônus para esta, a título gratuito e em caráter definitivo, plena e totalmente, todos os direitos autorais sobre o referido texto da resposta, para qualquer tipo de utilização, publicação, reprodução por qualquer meio ou técnica, especialmente na divulgação do resultado deste concurso.

11.1. Os Participantes, desde já, autorizam a utilização do seu nome, sua resposta, sua imagem e/ou som de voz na Internet na mídia existente ou que venha a ser futuramente criada, incluindo, mas não se limitando em filmes, vídeos, fotos, cartazes, anúncios em jornais, revistas e televisão, sem qualquer ônus para a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais e para as agências de publicidade. Os Participantes deste Concurso reconhecem que a utilização pela Porto Seguro Cia de Seguros Gerais dos direitos ora conferidos neste item não garante nenhuma remuneração aos Participantes.

12. Não poderão participar deste Concurso quaisquer pessoas que possuam vínculos empregatícios com a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais seus cônjuges e parentes, bem como pessoas que possuam vínculos empregatícios com empresas por elas controladas, coligadas, ou contratadas, bem como as pessoas que possuam vínculos empregatícios com as demais empresas que, de alguma forma, apóiem a viabilização deste Concurso.

13. Caso frases de conteúdo idêntico sejam enviadas por diferentes participantes, vencerá a frase, caso seja escolhida, que primeiro for recebida pela ferramenta descrita no item 3, desclassificando-se automaticamente o Participante autor da outra resposta, enviada posteriormente.

14. Os Participantes declaram e afirmam ter conhecimento dos termos e condições acima dispostos e, por meio da participação no Concurso, manifestam sua concordância com todos os pontos apresentados acima, de maneira incondicional e irretratável.

15. A simples participação neste concurso de incentivo à criatividade, que não tem por objetivo a formação de cadastro para propaganda ou promoções ou sua comercialização com terceiros, implica no total conhecimento e aceitação irrestrita deste regulamento pelos Participantes. As respostas recebidas, premiadas ou não, não serão devolvidas aos participantes e serão destruídas ao final do concurso.

16. Este concurso tem caráter exclusivamente cultural sem qualquer modalidade de sorteio ou pagamento, nem vínculo à aquisição ou uso de qualquer bem, direito ou serviço.

Há algumas semanas falamos sobre os melhores locais para passear com a sua bike no fim de semana e sobre o comportamento ideal para evitar acidentes. O legal do incentivo ao uso da bicicleta é que, além de saudável, a prática no dia a dia impacta diretamente no trânsito e na qualidade do ar.

No entanto, assim como a moto, andar de bike oferece riscos maiores do que de carro – já que o próprio veículo acaba protegendo você em caso de colisões Por isso, é importante andar atento e continuar seguindo as normas de segurança que falamos neste outro post .

Por conta da vulnerabilidade do ciclista, os motoristas precisam redobrar a sua gentileza no trânsito, permitindo que eles trafeguem livremente e sem perigo. Ande com uma distância segura de 1,5 m, evite “dar” farol ou buzinar para não assustá-los e, jamais, use a faixa exclusiva para bicicletas.

Os “gentis” do trânsito fazem isso como costume, mas não custa nada reforçar o que está na nossa legislação, no Código de Trânsito Brasileiro – CTB:

– Art. 201: Deixar de guardar a distância lateral de um metro e cinquenta centímetros ao passar ou ultrapassar bicicleta: Infração média + multa.

– Art. 184: Transitar com o veículo: II – na faixa ou pista da esquerda regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo: Infração grave + multa.

Prontos para sair e distribuir gentilezas por aí?

Há algumas semanas falamos sobre os melhores locais para passear com a sua bike no fim de semana e sobre o comportamento ideal para evitar acidentes. O legal do incentivo ao uso da bicicleta é que, além de saudável, a prática no dia a dia impacta diretamente no trânsito e na qualidade do ar.

No entanto, assim como a moto, andar de bike oferece riscos maiores do que de carro – já que o próprio veículo acaba protegendo você em caso de colisões Por isso, é importante andar atento e continuar seguindo as normas de segurança que falamos neste outro post[MMA1] .

Por conta da vulnerabilidade do ciclista, os motoristas precisam redobrar a sua gentileza no trânsito, permitindo que eles trafeguem livremente e sem perigo. Ande com uma distância segura de 1,5 m, evite “dar” farol ou buzinar para não assustá-los e, jamais, use a faixa exclusiva para bicicletas.

Os “gentis” do trânsito fazem isso como costume, mas não custa nada reforçar o que está na nossa legislação, no Código de Trânsito Brasileiro (CTB):

Art. 201: Deixar de guardar a distância lateral de um metro e cinquenta centímetros ao passar ou ultrapassar bicicleta: Infração média + multa.

Art. 184: Transitar com o veículo: II – na faixa ou pista da esquerda regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo: Infração grave + multa.

Prontos para sair e distribuir gentilezas por aí?


[MMA1]*Vamos linkar o ‘neste post’ com esta URL https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/2011/dicas/rota-ideal-para-ciclistas/)

Uma pesquisa feita pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) mostra que motoristas mulheres estiveram envolvidas em apenas 11% do total de acidentes no país computados entre os anos de 2004 e 2007. E o que os homens têm a dizer sobre isso? ;D

Até pela falta desse espírito mais competitivo e arrojado no trânsito, as mulheres acabam sendo mais atentas quando estão ao volante, se arriscando menos, agredindo menos, enfim, sendo mais gentis.

No período citado, dos 1,7 milhões de motoristas envolvidos nos 1,5 milhões de acidentes com vítimas, 71% eram homens, 18% não tiveram o sexo informado e 11% eram as nossas gentis motoristas, que contribuíram para que esse número já um tanto grande não aumentasse.

Por isso, a gente tem uma dica nesse texto direcionada aos homens: sejam mais humildes ao volante!

Claro que a gente sabe que tem muito motorista, homem, que é gentil ao volante também. Para os que não são, descubram o segredo da atenção, prudência e cuidado. Aprendam com as mulheres.

Por natureza, as mulheres tendem a serem mais gentis, portanto, nesse aspecto tão importante para o bem estar das pessoas no trânsito, são os homens que devem aprender com as mulheres… e não ao contrário!

Que a gentileza e o zelo feminino sejam a referência no trânsito!

Essa é talvez uma das maiores gentilezas que deve acontecer no trânsito de qualquer lugar. Todos sabem, desde pequenos, que, ao ouvir a sirene ou ver sinalizadores de alerta visual, devemos ficar atentos nas ruas.

Ambulâncias, carros do Corpo de Bombeiros, viaturas policiais. Esses, entre alguns outros veículos, têm o recurso de, em caso de emergência, acionar a sinalização sonora e visual e ter a preferência no trânsito sobre qualquer outro veículo.

Embora isso esteja previsto em lei, a gente achou importante lembrar que, mais do que evitar uma multa ou outra punição, ao dar passagem a esses veículos, você está exercendo a sua gentileza e, quem sabe, ajudando a salvar uma vida.

Uma viatura da polícia, por exemplo, pode estar tentando salvar a vida de alguém ou perseguindo um agressor. Uma ambulância em alta velocidade pode estar buscando ou levando um filho, pai, mãe ou irmão de alguém que precisa de atendimento imediato no hospital. Isso acontece também com as viaturas de resgate do Corpo de Bombeiro, assim como com os carros combatentes de incêndios. Enfim, há uma lista de veículos guiados por verdadeiros heróis que nem precisaria de uma lei pra gente respeitá-los, né?

Por isso, ficam algumas dicas para você não se assustar caso apareça um desses veículos em seu retrovisor e possa dar passagem sem medo:

– Aguarde o veículo de emergência se posicionar, indicando para qual lado ele vai querer ir e, imediatamente, vire para o outro lado;

– Se o trânsito tiver parado, ao menos demonstre que está disposto a ajudar. O motorista do carro em emergência poderá ver um espaço para passar assim que o congestionamento andar;

– Sinal fechado. Você sabe que ali tem fiscalização fotográfica e que, se avançar sobre a faixa, será multado. Observe se não há veículos ou pedestres à sua frente e avance o suficiente para dar passagem. Depois, cabe recurso para que a multa seja anulada. Com esse ato poderá estar salvando vidas;

– Subir na calçada pode? Em teoria, não. Afinal, calçada é lugar de pedestres. Mas não tendo nenhum ali, suba e deixe o carro de emergência passar. Depois, é só seguir em frente.

E agora, se você tiver qualquer tipo de dica, pode compartilhar com a gente. Já passou por alguma situação parecida? Conte pra gente!

Ah! Mas já que também falamos sobre a lei, vejam o artigo do Código Brasileiro de Trânsito que prevê infração gravíssima para quem bloqueia a passagem de veículos de emergência.

Art. 189.

Deixar de dar passagem aos veículos precedidos de batedores, de socorro de incêndio e salvamento, de polícia, de operação e fiscalização de trânsito e às ambulâncias, quando em serviço de urgência e devidamente identificados por dispositivos regulamentados de alarme sonoro e iluminação vermelha intermitentes.

Informação nunca é demais, né?! ;D

ciclista-no-transitoPara termos um Trânsito+gentil, pedestres, motoristas de carros, ônibus, caminhões, motociclistas e ciclistas devem conviver em harmonia nas ruas. Para isso, bom senso e respeito são essenciais.

No fluxo do trânsito, os ciclistas precisam de cuidados extras e atenção redobrada por parte dos motoristas e pedestres. É necessário ter bastante concentração para evitar surpresas no meio do caminho que possam comprometer o tráfego e a própria segurança dos condutores.

Além de manter a bicicleta com a manutenção em dia, o ciclista deve ficar sempre visível para os demais condutores da via e não se esquecer de sinalizar antes de fazer uma curva, por exemplo, não só para não atrapalhar o trânsito mas, acima de tudo, para preservar sua própria segurança.

Confira algumas dicas para os ciclistas:

– O uso de capacete, luvas e óculos especiais é indispensável para a sua segurança. Vá a uma loja especializada e adquira os seus. Se você não sabe quais são os modelos ideais, peça conselhos aos funcionários.

– Pedale sempre pela direita e jamais trafegue pela contramão, pois ao contrário do que dizem por aí, os riscos de uma colisão no sentido contrário do trânsito são consideravelmente maiores.

Seja previsível. Mantenha uma linha reta e, antes de fazer uma curva, sinalize com as mãos indicando o lado que deseja virar.

Trafegue defensivamente. Atenção máxima ao trânsito! Carros surgem repentinamente ou fazem uma conversão bem à sua frente.

– Preste muita atenção nos veículos estacionados, pois existe a chance de uma porta ser aberta e lhe pegar desprevenido enquanto passa.
bike
Buzine. Essa pode ser a maneira mais eficaz e rápida de avisar que está ali, ao lado de um carro com um motorista desatento ao volante. Além disso, a buzina pode servir para orientar um pedestre distraído.

Seja sempre gentil e evite palavrões, mesmo em situações desrespeitosas ao ciclista. A negligência pode ter sido sem intenção e o motorista ou pedestre, somente com o susto, já ficará mais alerta.

Fazendo essas ações, os ciclistas ajudam a todos na prática de um trânsito melhor. Já motoristas e pedestres, ao conhecerem essas dicas, podem saber um pouco mais sobre como é o trânsito para quem está pedalando.

Você também pedala pela cidade? Deixe suas dicas nos comentários! Boas recomendações ajudam a todos na segurança, na educação e também na prática de gentilezas. Um Ciclista+gentil pratica um Trânsito+gentil!

WP_Query Object
(
    [query] => Array
        (
            [tag] => direcao-defensiva
        )

    [query_vars] => Array
        (
            [tag] => direcao-defensiva
            [error] => 
            [m] => 
            [p] => 0
            [post_parent] => 
            [subpost] => 
            [subpost_id] => 
            [attachment] => 
            [attachment_id] => 0
            [name] => 
            [static] => 
            [pagename] => 
            [page_id] => 0
            [second] => 
            [minute] => 
            [hour] => 
            [day] => 0
            [monthnum] => 0
            [year] => 0
            [w] => 0
            [category_name] => 
            [cat] => 
            [tag_id] => 496
            [author] => 
            [author_name] => 
            [feed] => 
            [tb] => 
            [paged] => 0
            [meta_key] => 
            [meta_value] => 
            [preview] => 
            [s] => 
            [sentence] => 
            [title] => 
            [fields] => 
            [menu_order] => 
            [embed] => 
            [category__in] => Array
                (
                )

            [category__not_in] => Array
                (
                )

            [category__and] => Array
                (
                )

            [post__in] => Array
                (
                )

            [post__not_in] => Array
                (
                )

            [post_name__in] => Array
                (
                )

            [tag__in] => Array
                (
                )

            [tag__not_in] => Array
                (
                )

            [tag__and] => Array
                (
                )

            [tag_slug__in] => Array
                (
                    [0] => direcao-defensiva
                )

            [tag_slug__and] => Array
                (
                )

            [post_parent__in] => Array
                (
                )

            [post_parent__not_in] => Array
                (
                )

            [author__in] => Array
                (
                )

            [author__not_in] => Array
                (
                )

            [ignore_sticky_posts] => 
            [suppress_filters] => 
            [cache_results] => 1
            [update_post_term_cache] => 1
            [lazy_load_term_meta] => 1
            [update_post_meta_cache] => 1
            [post_type] => 
            [posts_per_page] => 10
            [nopaging] => 
            [comments_per_page] => 50
            [no_found_rows] => 
            [order] => DESC
        )

    [tax_query] => WP_Tax_Query Object
        (
            [queries] => Array
                (
                    [0] => Array
                        (
                            [taxonomy] => post_tag
                            [terms] => Array
                                (
                                    [0] => direcao-defensiva
                                )

                            [field] => slug
                            [operator] => IN
                            [include_children] => 1
                        )

                )

            [relation] => AND
            [table_aliases:protected] => Array
                (
                    [0] => t_g_term_relationships
                )

            [queried_terms] => Array
                (
                    [post_tag] => Array
                        (
                            [terms] => Array
                                (
                                    [0] => direcao-defensiva
                                )

                            [field] => slug
                        )

                )

            [primary_table] => t_g_posts
            [primary_id_column] => ID
        )

    [meta_query] => WP_Meta_Query Object
        (
            [queries] => Array
                (
                )

            [relation] => 
            [meta_table] => 
            [meta_id_column] => 
            [primary_table] => 
            [primary_id_column] => 
            [table_aliases:protected] => Array
                (
                )

            [clauses:protected] => Array
                (
                )

            [has_or_relation:protected] => 
        )

    [date_query] => 
    [queried_object] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 496
            [name] => direcao defensiva
            [slug] => direcao-defensiva
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 496
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 6
            [filter] => raw
        )

    [queried_object_id] => 496
    [request] => SELECT SQL_CALC_FOUND_ROWS  t_g_posts.ID FROM t_g_posts  LEFT JOIN t_g_term_relationships ON (t_g_posts.ID = t_g_term_relationships.object_id) WHERE 1=1  AND ( 
  t_g_term_relationships.term_taxonomy_id IN (496)
) AND t_g_posts.post_type = 'post' AND (t_g_posts.post_status = 'publish') GROUP BY t_g_posts.ID ORDER BY t_g_posts.post_date DESC LIMIT 0, 10
    [posts] => Array
        (
            [0] => WP_Post Object
                (
                    [ID] => 3085
                    [post_author] => 2
                    [post_date] => 2013-01-14 14:57:50
                    [post_date_gmt] => 2013-01-14 16:57:50
                    [post_content] => 200361162-001

Nessa época do ano, muitas famílias saem de férias e aproveitam para viajar e descansar no litoral ou no interior. E aí é que vem o estresse: a longa viagem até o destino final. Para evitar confusões e acidentes nas pistas, preparamos algumas dicas antes de cair na estrada.

É essencial estar descansado antes da viagem. Para isso, planeje tudo com antecedência para evitar contratempos. Levar seu veículo para revisão garante a segurança e tranquilidade para não ser surpreendido com problemas mecânicos no meio do caminho. Tanto na ida quanto na volta, escolha dias e horários de menor movimento, pois com as pistas paradas, as pessoas tendem a perder a paciência com mais frequência. 

Para garantir o bem-estar mental e físico, tenha uma boa noite de sono. Evite pensar em despesas, brigas familiares e não dê valor a pequenos problemas que podem influenciar o seu humor. Fuja de comidas de difícil digestão e use roupas e sapatos confortáveis. A fim de uma postura confortável durante a viagem, encoste bem as costas no banco, mantenha os braços dobrados ao segurar o volante e pise nos pedais sem esforço.

Mais algumas recomendações: todos no carro, inclusive no banco de trás, devem estar com cinto de segurança. Se for de moto, ambos devem estar com capacete e trajando os equipamentos necessários. Fique atento a placas e sinalizações e em hipótese alguma dirija alcoolizado. Lembre-se que as pessoas que você ama também estão a bordo. 

Seja cordial e gentil com os outros motoristas, dê passagem e não ultrapasse o limite de velocidade. Assim, a sua viagem será mais tranquila e segura, aproveitando as paisagens no caminho rumo ao destino de sua escolha. Porque além de ir, o mais importante é voltar.

Boa viagem!

                    [post_title] => A gentil arte de viajar nas férias
                    [post_excerpt] => 
                    [post_status] => publish
                    [comment_status] => open
                    [ping_status] => open
                    [post_password] => 
                    [post_name] => a-gentil-arte-de-viajar-nas-ferias
                    [to_ping] => 
                    [pinged] => 
                    [post_modified] => 2013-01-14 14:57:50
                    [post_modified_gmt] => 2013-01-14 16:57:50
                    [post_content_filtered] => 
                    [post_parent] => 0
                    [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=3085
                    [menu_order] => 0
                    [post_type] => post
                    [post_mime_type] => 
                    [comment_count] => 0
                    [filter] => raw
                )

            [1] => WP_Post Object
                (
                    [ID] => 2084
                    [post_author] => 2
                    [post_date] => 2011-07-27 11:50:44
                    [post_date_gmt] => 2011-07-27 13:50:44
                    [post_content] => Que motocicleta é perigoso, não precisamos nem dizer. Por isso, vamos aproveitar essa data para dar dicas para quem pilota uma moto ou divide o trânsito com elas. É possível ajudar a diminuir esses índices. Veja só:

Equipamentos de segurança | Além do capacete, é importante proteger também os olhos, mãos, pés, tornozelos, joelhos e cotovelos. Mesmo que você não seja um piloto de MotoCross, estes itens ajudam na sua proteção no trânsito caótico. Também use sempre calça e casaco.

Farol aceso dia e noite | Estando a 40 metros de distância, uma motocicleta pode sumir do campo visual do motorista, ‘escondendo-se’ atrás de um objeto pendurado no retrovisor ou um adesivo. Manter o farol da moto aceso ajuda a torná-la mais visível. Roupas e capacete de cores claras também podem ajudar.

Pilote de forma defensiva | A atitude defensiva no trânsito significa dirigir por você e pelos outros, antecipar-se em relação aos erros alheios e demais riscos. Pense que, uma vez envolvido em um acidente, pouco adianta provar que a culpa foi de outra pessoa. Aprenda a antever as imprudências e erros dos outros.

Concentração | Moto deixa o seu piloto mais exposto, é menor em relação aos demais veículos e menos visível: boas justificativas para estar totalmente atento ao trânsito. No motociclismo, se o motorista de um carro comete um erro, a consequência fica para a moto. No entanto, em uma situação de risco, a moto tem poder de responder mais rápido. Tudo depende da atenção de quem a pilota.

Conheça as ameaças mais comuns | É preciso conhecer os riscos deste transporte para evitá-los: 1. fechadas frequentes (atenção redobrada em vias movimentadas); 2. pedestres distraídos (cuidado em ruas onde não há sinalização de pedestres); 3. crianças em áreas escolares (diminua a velocidade nestes locais); 4. animais nas ruas (desvie dos bichinhos), 5. linhas de pipa na rua (instale uma haste metálica protetora no guidão da moto, parecida com uma antena de rádio); entre outros perigos.

Seja – sempre – gentil | A gentileza é uma atitude transformadora. Quando você é, além de atento, gentil, você estimula outros motoristas a agirem da mesma forma.

Estas são somente algumas dicas de atenção. Vale lembrar que é sempre importante seguir as regras de trânsito, como limite de velocidade.

Reconhecimento ao Motociclista Gentil

Se você é um Motociclista Gentil e não tem pontos na sua Carteira de Habilitação, a Porto Seguro tem um presente pra você: o desconto de 5% na contratação/renovação do seguro da sua motocicleta.

Saiba mais: https://www.transitomaisgentil.com.br/desconto-mais-gentil.aspx

__

Participe do Concurso Cultural do Trânsito+gentil e comemore este dia com quem anda de moto levando muita gentileza por aí.

Temos cinco (05) kits compostos por mochila e camiseta do Trânsito+gentil para dar uma forcinha na hora de carregar o que quiser na sua moto. Para participar, crie um texto de até 200 caracteres com o tema "Por que minha moto faz parte da minha vida?" e publique nos comentários deste post do blog do Trânsito+gentil.

Prazo: serão aceitos textos enviados até as 12h de sexta-feira, dia 29/7. Textos enviados via Facebook/Twitter, que mencionem marcas/empresas e que incitem a falta de gentileza no trânsito serão automaticamente desclassificados do concurso cultural.

DSC05010_TMG_mochilaVencedores do Concurso: 

Olá, amigos. Já temos os vencedores do Concurso do Dia do Motociclista. Saibam que foram os criativos que ganharam o kit com mochila + camiseta do Trânstio+gentil:

 Anthonielli Zorzi: Ser Motociclista é respeitar o próximo, cultivar a amizade e a fraternidade, além de praticar boas ações sempre. Acho que sem essas virtudes, o Motociclista não se completa.

Cléber Chg: Minha moto é meu instrumento para a prática de boas atitudes no trânsito o que, consequentemente, contribui para um trânsito mais gentil e nos transforma em exemplo para os demais condutores!

Everton Rodrigues Santos: Porque dela tiro meu sustento, com ela enfrento chuva e vento, me guia pelas estradas da vida, com segurança e cuidado como uma amiga, sempre pronta a me ajudar!

Karine Murta: Com ela acelero minhas emoções, guio meus sonhos, dou partida a um novo dia, ultrapasso a imprudência e dou passagem à gentileza. Faço o trajeto com segurança e confiança de que eu saí, mas voltarei.

Luiz Fernando Annunziata Trevisan: "Por que quando o ar bate em meu rosto, Eu e ela somos um, em liberdade e inclusão, Somos pássaros, somos chuva, somos vento, Vivemos cada segundo, cada metro, com paixão."

Entraremos em contato com cada um de você via email. Agradecemos a participação de todos.E fiquem de olho que teremos novos concursos e prêmios. ;D

__

CONCURSO CULTURAL – “Trânsito+gentil Dia do Motociclista”

1. O Concurso Cultural "Trânsito+gentil Dia do Motociclista" é aberto a qualquer pessoa física, residente em território nacional ("Participantes"), exceto aquelas mencionadas no item 12, e visa premiar as 5 (cinco) frases mais criativas enviadas entre 27/07/2011 até às 12h do dia 29/07/2011 que respondam a pergunta " Por que minha moto faz parte da minha vida?".

2. O Concurso é válido para pessoas residentes em qualquer estado do território nacional.

3. O Participante deverá se inscrever e postar sua resposta como comentário no blog do Trânsito+gentil no post “27 de julho: Dia do Motociclista”( https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/2011/movimento-transito-mais-gentil/27-de-julho-dia-do-motociclista/)

4. A resposta deve ter, no máximo, 200 caracteres.

5. Os 5 (cinco) autores das melhores respostas, conforme critério estabelecido no item 1 acima, receberá, cada um, 1 (um) kit composto por 1 (uma) mochila e  1 (uma) camiseta do Trânsito+gentil.

6. Cada Participante poderá enviar quantas frases quiser, contudo somente uma frase poderá ser eleita vencedora escolhida pelo comitê. Os comentários enviados, após o término do Concurso Cultural, serão automaticamente descartados.

7. A escolha das respostas vencedoras será iniciada no dia 01/08/2011 por uma Comissão Julgadora formada por funcionários da Porto Seguro Cia de Seguros Gerais ou a ser definida por ela, devendo ser finalizada no dia 04/08/2011. A divulgação dos ganhadores ocorrerá às 12h do dia 05/08/2011. A Comissão Julgadora avaliará e julgará os comentários enviados em conformidade com este regulamento com base na criatividade, originalidade e correção gramatical. Os casos omissos serão decididos pela Comissão Julgadora, cujas decisões serão soberanas e irrecorríveis.

8. A divulgação do nome do Participante vencedor será realizada na página do concurso e via redes sociais do Trânsito+gentil. O Participante vencedor será contatado por e-mail.

9. Se o contato com o Participante vencedor não for possível depois de dois (02) dias após a divulgação do resultado, será cancelada a premiação do Participante não-contatado e a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais concederá a premiação ao Participante classificado imediatamente após o Participante não contatado.

10. O prêmio não poderá ser convertido em dinheiro, transferido para terceiros e nem trocado por outro produto.

11. Os Participantes deste concurso, com o envio das frases em conformidade com este regulamento, declaram serem de sua autoria as frases encaminhadas ao concurso cultural e que as mesmas não constituem plágio, ao mesmo tempo em que cedem e transferem a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais, sem qualquer ônus para esta, a título gratuito e em caráter definitivo, plena e totalmente, todos os direitos autorais sobre o referido texto da resposta, para qualquer tipo de utilização, publicação, reprodução por qualquer meio ou técnica, especialmente na divulgação do resultado deste concurso.

11.1. Os Participantes, desde já, autorizam a utilização do seu nome, sua resposta, sua imagem e/ou som de voz na Internet na mídia existente ou que venha a ser futuramente criada, incluindo, mas não se limitando em filmes, vídeos, fotos, cartazes, anúncios em jornais, revistas e televisão, sem qualquer ônus para a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais e para as agências de publicidade. Os Participantes deste Concurso reconhecem que a utilização pela Porto Seguro Cia de Seguros Gerais dos direitos ora conferidos neste item não garante nenhuma remuneração aos Participantes.

12. Não poderão participar deste Concurso quaisquer pessoas que possuam vínculos empregatícios com a Porto Seguro Cia de Seguros Gerais seus cônjuges e parentes, bem como pessoas que possuam vínculos empregatícios com empresas por elas controladas, coligadas, ou contratadas, bem como as pessoas que possuam vínculos empregatícios com as demais empresas que, de alguma forma, apóiem a viabilização deste Concurso.

13. Caso frases de conteúdo idêntico sejam enviadas por diferentes participantes, vencerá a frase, caso seja escolhida, que primeiro for recebida pela ferramenta descrita no item 3, desclassificando-se automaticamente o Participante autor da outra resposta, enviada posteriormente.

14. Os Participantes declaram e afirmam ter conhecimento dos termos e condições acima dispostos e, por meio da participação no Concurso, manifestam sua concordância com todos os pontos apresentados acima, de maneira incondicional e irretratável.

15. A simples participação neste concurso de incentivo à criatividade, que não tem por objetivo a formação de cadastro para propaganda ou promoções ou sua comercialização com terceiros, implica no total conhecimento e aceitação irrestrita deste regulamento pelos Participantes. As respostas recebidas, premiadas ou não, não serão devolvidas aos participantes e serão destruídas ao final do concurso.

16. Este concurso tem caráter exclusivamente cultural sem qualquer modalidade de sorteio ou pagamento, nem vínculo à aquisição ou uso de qualquer bem, direito ou serviço.

[post_title] => 27 de julho: Dia do Motociclista [post_excerpt] => [post_status] => publish [comment_status] => open [ping_status] => open [post_password] => [post_name] => 27-de-julho-dia-do-motociclista [to_ping] => [pinged] => [post_modified] => 2011-07-27 11:50:44 [post_modified_gmt] => 2011-07-27 13:50:44 [post_content_filtered] => [post_parent] => 0 [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=2084 [menu_order] => 0 [post_type] => post [post_mime_type] => [comment_count] => 82 [filter] => raw ) [2] => WP_Post Object ( [ID] => 2078 [post_author] => 2 [post_date] => 2011-07-26 16:35:15 [post_date_gmt] => 2011-07-26 18:35:15 [post_content] => Há algumas semanas falamos sobre os melhores locais para passear com a sua bike no fim de semana e sobre o comportamento ideal para evitar acidentes. O legal do incentivo ao uso da bicicleta é que, além de saudável, a prática no dia a dia impacta diretamente no trânsito e na qualidade do ar. No entanto, assim como a moto, andar de bike oferece riscos maiores do que de carro – já que o próprio veículo acaba protegendo você em caso de colisões Por isso, é importante andar atento e continuar seguindo as normas de segurança que falamos neste outro post . Por conta da vulnerabilidade do ciclista, os motoristas precisam redobrar a sua gentileza no trânsito, permitindo que eles trafeguem livremente e sem perigo. Ande com uma distância segura de 1,5 m, evite “dar” farol ou buzinar para não assustá-los e, jamais, use a faixa exclusiva para bicicletas. Os “gentis” do trânsito fazem isso como costume, mas não custa nada reforçar o que está na nossa legislação, no Código de Trânsito Brasileiro - CTB: - Art. 201: Deixar de guardar a distância lateral de um metro e cinquenta centímetros ao passar ou ultrapassar bicicleta: Infração média + multa. - Art. 184: Transitar com o veículo: II - na faixa ou pista da esquerda regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo: Infração grave + multa. Prontos para sair e distribuir gentilezas por aí?

Há algumas semanas falamos sobre os melhores locais para passear com a sua bike no fim de semana e sobre o comportamento ideal para evitar acidentes. O legal do incentivo ao uso da bicicleta é que, além de saudável, a prática no dia a dia impacta diretamente no trânsito e na qualidade do ar.

No entanto, assim como a moto, andar de bike oferece riscos maiores do que de carro – já que o próprio veículo acaba protegendo você em caso de colisões Por isso, é importante andar atento e continuar seguindo as normas de segurança que falamos neste outro post[MMA1] .

Por conta da vulnerabilidade do ciclista, os motoristas precisam redobrar a sua gentileza no trânsito, permitindo que eles trafeguem livremente e sem perigo. Ande com uma distância segura de 1,5 m, evite “dar” farol ou buzinar para não assustá-los e, jamais, use a faixa exclusiva para bicicletas.

Os “gentis” do trânsito fazem isso como costume, mas não custa nada reforçar o que está na nossa legislação, no Código de Trânsito Brasileiro (CTB):

Art. 201: Deixar de guardar a distância lateral de um metro e cinquenta centímetros ao passar ou ultrapassar bicicleta: Infração média + multa.

Art. 184: Transitar com o veículo: II - na faixa ou pista da esquerda regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo: Infração grave + multa.

Prontos para sair e distribuir gentilezas por aí?


[MMA1]*Vamos linkar o ‘neste post’ com esta URL https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/2011/dicas/rota-ideal-para-ciclistas/)

[post_title] => Motorista gentil, ciclista tranquilo [post_excerpt] => [post_status] => publish [comment_status] => open [ping_status] => open [post_password] => [post_name] => motorista-gentil-ciclista-tranquilo [to_ping] => [pinged] => [post_modified] => 2011-07-26 16:35:15 [post_modified_gmt] => 2011-07-26 18:35:15 [post_content_filtered] => [post_parent] => 0 [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=2078 [menu_order] => 0 [post_type] => post [post_mime_type] => [comment_count] => 1 [filter] => raw ) [3] => WP_Post Object ( [ID] => 2050 [post_author] => 2 [post_date] => 2011-07-20 13:21:52 [post_date_gmt] => 2011-07-20 15:21:52 [post_content] => Uma pesquisa feita pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) mostra que motoristas mulheres estiveram envolvidas em apenas 11% do total de acidentes no país computados entre os anos de 2004 e 2007. E o que os homens têm a dizer sobre isso? ;D Até pela falta desse espírito mais competitivo e arrojado no trânsito, as mulheres acabam sendo mais atentas quando estão ao volante, se arriscando menos, agredindo menos, enfim, sendo mais gentis. No período citado, dos 1,7 milhões de motoristas envolvidos nos 1,5 milhões de acidentes com vítimas, 71% eram homens, 18% não tiveram o sexo informado e 11% eram as nossas gentis motoristas, que contribuíram para que esse número já um tanto grande não aumentasse. Por isso, a gente tem uma dica nesse texto direcionada aos homens: sejam mais humildes ao volante! Claro que a gente sabe que tem muito motorista, homem, que é gentil ao volante também. Para os que não são, descubram o segredo da atenção, prudência e cuidado. Aprendam com as mulheres. Por natureza, as mulheres tendem a serem mais gentis, portanto, nesse aspecto tão importante para o bem estar das pessoas no trânsito, são os homens que devem aprender com as mulheres... e não ao contrário! Que a gentileza e o zelo feminino sejam a referência no trânsito! [post_title] => Mulheres se envolvem em apenas 11% dos acidentes [post_excerpt] => [post_status] => publish [comment_status] => open [ping_status] => open [post_password] => [post_name] => mulheres-se-envolvem-em-apenas-11-dos-acidentes [to_ping] => [pinged] => [post_modified] => 2011-07-20 13:21:52 [post_modified_gmt] => 2011-07-20 15:21:52 [post_content_filtered] => [post_parent] => 0 [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=2050 [menu_order] => 0 [post_type] => post [post_mime_type] => [comment_count] => 0 [filter] => raw ) [4] => WP_Post Object ( [ID] => 2047 [post_author] => 2 [post_date] => 2011-07-19 12:54:30 [post_date_gmt] => 2011-07-19 14:54:30 [post_content] => Essa é talvez uma das maiores gentilezas que deve acontecer no trânsito de qualquer lugar. Todos sabem, desde pequenos, que, ao ouvir a sirene ou ver sinalizadores de alerta visual, devemos ficar atentos nas ruas. Ambulâncias, carros do Corpo de Bombeiros, viaturas policiais. Esses, entre alguns outros veículos, têm o recurso de, em caso de emergência, acionar a sinalização sonora e visual e ter a preferência no trânsito sobre qualquer outro veículo. Embora isso esteja previsto em lei, a gente achou importante lembrar que, mais do que evitar uma multa ou outra punição, ao dar passagem a esses veículos, você está exercendo a sua gentileza e, quem sabe, ajudando a salvar uma vida. Uma viatura da polícia, por exemplo, pode estar tentando salvar a vida de alguém ou perseguindo um agressor. Uma ambulância em alta velocidade pode estar buscando ou levando um filho, pai, mãe ou irmão de alguém que precisa de atendimento imediato no hospital. Isso acontece também com as viaturas de resgate do Corpo de Bombeiro, assim como com os carros combatentes de incêndios. Enfim, há uma lista de veículos guiados por verdadeiros heróis que nem precisaria de uma lei pra gente respeitá-los, né? Por isso, ficam algumas dicas para você não se assustar caso apareça um desses veículos em seu retrovisor e possa dar passagem sem medo: - Aguarde o veículo de emergência se posicionar, indicando para qual lado ele vai querer ir e, imediatamente, vire para o outro lado; - Se o trânsito tiver parado, ao menos demonstre que está disposto a ajudar. O motorista do carro em emergência poderá ver um espaço para passar assim que o congestionamento andar; - Sinal fechado. Você sabe que ali tem fiscalização fotográfica e que, se avançar sobre a faixa, será multado. Observe se não há veículos ou pedestres à sua frente e avance o suficiente para dar passagem. Depois, cabe recurso para que a multa seja anulada. Com esse ato poderá estar salvando vidas; - Subir na calçada pode? Em teoria, não. Afinal, calçada é lugar de pedestres. Mas não tendo nenhum ali, suba e deixe o carro de emergência passar. Depois, é só seguir em frente. E agora, se você tiver qualquer tipo de dica, pode compartilhar com a gente. Já passou por alguma situação parecida? Conte pra gente! Ah! Mas já que também falamos sobre a lei, vejam o artigo do Código Brasileiro de Trânsito que prevê infração gravíssima para quem bloqueia a passagem de veículos de emergência. Art. 189. Deixar de dar passagem aos veículos precedidos de batedores, de socorro de incêndio e salvamento, de polícia, de operação e fiscalização de trânsito e às ambulâncias, quando em serviço de urgência e devidamente identificados por dispositivos regulamentados de alarme sonoro e iluminação vermelha intermitentes. Informação nunca é demais, né?! ;D [post_title] => Como se comportar à frente de uma ambulância, bombeiro ou polícia [post_excerpt] => [post_status] => publish [comment_status] => open [ping_status] => open [post_password] => [post_name] => como-se-comportar-a-frente-de-uma-ambulancia-bombeiro-ou-policia [to_ping] => [pinged] => [post_modified] => 2011-07-19 12:54:30 [post_modified_gmt] => 2011-07-19 14:54:30 [post_content_filtered] => [post_parent] => 0 [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=2047 [menu_order] => 0 [post_type] => post [post_mime_type] => [comment_count] => 3 [filter] => raw ) [5] => WP_Post Object ( [ID] => 1783 [post_author] => 2 [post_date] => 2011-05-31 11:48:42 [post_date_gmt] => 2011-05-31 13:48:42 [post_content] => ciclista-no-transitoPara termos um Trânsito+gentil, pedestres, motoristas de carros, ônibus, caminhões, motociclistas e ciclistas devem conviver em harmonia nas ruas. Para isso, bom senso e respeito são essenciais. No fluxo do trânsito, os ciclistas precisam de cuidados extras e atenção redobrada por parte dos motoristas e pedestres. É necessário ter bastante concentração para evitar surpresas no meio do caminho que possam comprometer o tráfego e a própria segurança dos condutores. Além de manter a bicicleta com a manutenção em dia, o ciclista deve ficar sempre visível para os demais condutores da via e não se esquecer de sinalizar antes de fazer uma curva, por exemplo, não só para não atrapalhar o trânsito mas, acima de tudo, para preservar sua própria segurança. Confira algumas dicas para os ciclistas: - O uso de capacete, luvas e óculos especiais é indispensável para a sua segurança. Vá a uma loja especializada e adquira os seus. Se você não sabe quais são os modelos ideais, peça conselhos aos funcionários. - Pedale sempre pela direita e jamais trafegue pela contramão, pois ao contrário do que dizem por aí, os riscos de uma colisão no sentido contrário do trânsito são consideravelmente maiores. - Seja previsível. Mantenha uma linha reta e, antes de fazer uma curva, sinalize com as mãos indicando o lado que deseja virar. - Trafegue defensivamente. Atenção máxima ao trânsito! Carros surgem repentinamente ou fazem uma conversão bem à sua frente. - Preste muita atenção nos veículos estacionados, pois existe a chance de uma porta ser aberta e lhe pegar desprevenido enquanto passa. bike - Buzine. Essa pode ser a maneira mais eficaz e rápida de avisar que está ali, ao lado de um carro com um motorista desatento ao volante. Além disso, a buzina pode servir para orientar um pedestre distraído. - Seja sempre gentil e evite palavrões, mesmo em situações desrespeitosas ao ciclista. A negligência pode ter sido sem intenção e o motorista ou pedestre, somente com o susto, já ficará mais alerta. Fazendo essas ações, os ciclistas ajudam a todos na prática de um trânsito melhor. Já motoristas e pedestres, ao conhecerem essas dicas, podem saber um pouco mais sobre como é o trânsito para quem está pedalando. Você também pedala pela cidade? Deixe suas dicas nos comentários! Boas recomendações ajudam a todos na segurança, na educação e também na prática de gentilezas. Um Ciclista+gentil pratica um Trânsito+gentil! [post_title] => Um Ciclista+gentil [post_excerpt] => [post_status] => publish [comment_status] => open [ping_status] => open [post_password] => [post_name] => um-ciclistagentil [to_ping] => [pinged] => [post_modified] => 2011-05-31 11:48:42 [post_modified_gmt] => 2011-05-31 13:48:42 [post_content_filtered] => [post_parent] => 0 [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=1783 [menu_order] => 0 [post_type] => post [post_mime_type] => [comment_count] => 1 [filter] => raw ) ) [post_count] => 6 [current_post] => -1 [in_the_loop] => [post] => WP_Post Object ( [ID] => 3085 [post_author] => 2 [post_date] => 2013-01-14 14:57:50 [post_date_gmt] => 2013-01-14 16:57:50 [post_content] => 200361162-001 Nessa época do ano, muitas famílias saem de férias e aproveitam para viajar e descansar no litoral ou no interior. E aí é que vem o estresse: a longa viagem até o destino final. Para evitar confusões e acidentes nas pistas, preparamos algumas dicas antes de cair na estrada. É essencial estar descansado antes da viagem. Para isso, planeje tudo com antecedência para evitar contratempos. Levar seu veículo para revisão garante a segurança e tranquilidade para não ser surpreendido com problemas mecânicos no meio do caminho. Tanto na ida quanto na volta, escolha dias e horários de menor movimento, pois com as pistas paradas, as pessoas tendem a perder a paciência com mais frequência. Para garantir o bem-estar mental e físico, tenha uma boa noite de sono. Evite pensar em despesas, brigas familiares e não dê valor a pequenos problemas que podem influenciar o seu humor. Fuja de comidas de difícil digestão e use roupas e sapatos confortáveis. A fim de uma postura confortável durante a viagem, encoste bem as costas no banco, mantenha os braços dobrados ao segurar o volante e pise nos pedais sem esforço. Mais algumas recomendações: todos no carro, inclusive no banco de trás, devem estar com cinto de segurança. Se for de moto, ambos devem estar com capacete e trajando os equipamentos necessários. Fique atento a placas e sinalizações e em hipótese alguma dirija alcoolizado. Lembre-se que as pessoas que você ama também estão a bordo. Seja cordial e gentil com os outros motoristas, dê passagem e não ultrapasse o limite de velocidade. Assim, a sua viagem será mais tranquila e segura, aproveitando as paisagens no caminho rumo ao destino de sua escolha. Porque além de ir, o mais importante é voltar. Boa viagem! [post_title] => A gentil arte de viajar nas férias [post_excerpt] => [post_status] => publish [comment_status] => open [ping_status] => open [post_password] => [post_name] => a-gentil-arte-de-viajar-nas-ferias [to_ping] => [pinged] => [post_modified] => 2013-01-14 14:57:50 [post_modified_gmt] => 2013-01-14 16:57:50 [post_content_filtered] => [post_parent] => 0 [guid] => https://www.transitomaisgentil.com.br/blog/?p=3085 [menu_order] => 0 [post_type] => post [post_mime_type] => [comment_count] => 0 [filter] => raw ) [comment_count] => 0 [current_comment] => -1 [found_posts] => 6 [max_num_pages] => 1 [max_num_comment_pages] => 0 [is_single] => [is_preview] => [is_page] => [is_archive] => 1 [is_date] => [is_year] => [is_month] => [is_day] => [is_time] => [is_author] => [is_category] => [is_tag] => 1 [is_tax] => [is_search] => [is_feed] => [is_comment_feed] => [is_trackback] => [is_home] => [is_404] => [is_embed] => [is_paged] => [is_admin] => [is_attachment] => [is_singular] => [is_robots] => [is_posts_page] => [is_post_type_archive] => [query_vars_hash:WP_Query:private] => 02997a7c35546215b573319084242337 [query_vars_changed:WP_Query:private] => [thumbnails_cached] => [stopwords:WP_Query:private] => [compat_fields:WP_Query:private] => Array ( [0] => query_vars_hash [1] => query_vars_changed ) [compat_methods:WP_Query:private] => Array ( [0] => init_query_flags [1] => parse_tax_query ) )