Não. A campanha Trânsito+gentil defende a gentileza e o respeito a todos que fazem parte do trânsito, incluindo carros, motos, bicicletas, pedestres etc. Gentileza gera gentileza e isso afeta todos os indivíduos de forma positiva. Confira as dicas de gentileza.