O carro quando enguiça de repente é um apuro tanto para quem dirige quanto para quem precisa lidar com o trânsito causado pelo defeito. Pior ainda é quando isso acontece no meio da rua.

Caso aconteça, sinalize rapidamente usando a seta e tente levar o carro para a faixa da direita ou para o acostamento. Se a situação não permitir, pare o carro e ligue o pisca-alerta.

Para evitar atropelamentos, tenha cuidado ao sair do carro e não deixe que outros passageiros, em especial as crianças, desçam antes que você. Coloque o triângulo a, pelo menos, 50 metros do veículo, para que os outros motoristas o vejam a tempo de desviar com antecedência e segurança.

Geralmente, a manutenção preventiva e periódica evita as panes. Mas, no dia a dia, o motorista deve ficar atento aos “sintomas” do automóvel e ao modo como dirige.

Como evitar

De acordo com o Sindicato da Indústria da Reparação de Veículos (Sindirepa), os principais causadores de paradas indesejadas são: sistema de arrefecimento, pane elétrica, embreagem desgastada e deficiência de lubrificação no motor.

O primeiro e mais discreto problema é a embreagem. O tempo de uso pode desgastar o sistema, mas o principal motivo de desgaste é o mau uso – hábitos como pegar rampas com o carro frio ou não pisar fundo na embreagem ao trocar as marchas devem ser evitados.

Para não ter problemas com o sistema de arrefecimento e evitar que o seu motor derreta, verifique sempre o reservatório do líquido de arrefecimento, que é água destilada misturada a um aditivo.

A falta de manutenção de bateria leva à sobrecarga do sistema, o que traz inúmeros problemas elétricos. Evite instalar equipamentos eletrônicos, alarmes, câmeras de ré, vidros e travas elétricas que estão fora do projeto da montadora.

O uso de óleo lubrificante errado, o baixo nível de óleo e a demora em trocar o lubrificante podem facilmente parar o motor pela deficiência na lubrificação das engrenagens.  Verifique sempre o reservatório e troque o óleo como estipulado no manual do carro.

Com precaução, é possível evitar situações desconfortáveis para você e para os outros, sem contar com a saúde do seu carro, que agradece. Curtiu as dicas? Então compartilhe.